retificando

Vim ou Vir

As palavras vim e vir podem confundir qualquer pessoa, não é mesmo?! Ambas estão corretas sob a ótica do padrão culto da língua portuguesa. Mas, em virtude da semelhança em suas grafias e pronúncias, sérias dúvidas surgem acerca de seu emprego correto.
No entanto, se você ler este artigo até o fim, certamente eliminará todas as suas dúvidas gramaticais sobre esse assunto.
Vamos lá?!

Vim

A palavra vim é gramaticalmente classificada como verbo. Trata-se do verbo irregular vir, conjugado na primeira pessoa do singular do pretérito perfeito do indicativo.
Em termos bem simples, podemos afirmar que verbos irregulares são aqueles não seguem um padrão fixo para todas as suas formas de conjugações. Por exemplo, o verbo medir, conjugado na primeira pessoa do singular é: eu meço (veja que a grafia da palavra  meço é totalmente diferente da palavra medir).
Abaixo veremos toda a conjugação do verbo vir, a fim de que você comprove por si mesmo que este verbo é irregular.
Continue lendo e aprenderá mais detalhes sobre esse verbo.

Conjugação do verbo vir

MODO INDICATIVO
Presente

eu venho
tu vens
ele/ela vem
nós vimos
vós vindes
eleselas vêm
Pretérito Imperfeito

eu vinha
tu vinhas
ele/ela vinha
nós vínhamos
vós vínheis
eles/elas vinham
Pretérito Perfeito

eu vim
tu vieste
ele/ela veio
nós viemos
vós viestes
eles/elas vieram

Mais-que-perfeito

eu viera
tu vieras
ele/ela viera
nós viéramos
vós viéreis
eles/elas vieram
Futuro do Pretérito

eu viria
tu virias
ele/ela viria
nós viríamos
vós viríeis
eles/elas viriam
Futuro do Presente

eu virei
tu virás
ele/ela virá
nós viremos
vós vireis
eles/elas virão

MODO SUBJUNTIVO
Presente

que eu venha
que tu venhas
que ele/ela venha
que nós venhamos
que vós venhais
que eles/elas venham
Pretérito Imperfeito

se eu viesse
se tu viesses
se ele/ela viesse
se nós viéssemos
se vós viésseis
se eles/elas viessem
Futuro do Subjuntivo

quando eu vier
quando tu vieres
quando ele/ela vier
quando nós viermos
quando vós vierdes
quando eles/elas vierem

MODO IMPERATIVO
Imperativo Afirmativo

vem tu
venha ele/ela
venhamos nós
vinde vós
venham eles/elas
Imperativo Negativo

não venhas tu
não venha ele/ela
não venhamos nós
não venhais vós
não venham eles/elas

Lembre-se: sempre que puder inserir o sujeito eu, no modo indicativo, a palavra correta será vim, pois estaremos diante do verbo vir conjugado no tempo pretérito (passado). Eu vim (eu me desloquei de lá para cá).
A título de exemplo, veja o que diz no texto, João 9, da Bíblia Sagrada:
Então revelou Jesus: “Eu vim a este mundo para julgamento, a fim de que os cegos vejam e os que vêem se tornem cegos.
Sabendo que vim refere-se ao tempo passado, você terá muito mais facilidade de assimilar as dicas de português abordadas neste artigo, ou seja, saberá quando usar corretamente vim ou vir.


Frases com a palavra vim

  • Eu vim para o trabalho de metrô.
  • Vim assim que pude.
  • Antes que você me chamasse, eu vim ajudá-lo.
Curiosidade: existe um pássaro citado em uma das músicas do lendário Luiz Gonzaga, cujo nome popular é vim-vim (mesmo que fim-fim).
Não custa reforçar a ideia de que o termo mais simples é vim. Guarde essa informação para facilitar o seu entendimento.
Abaixo veremos a abordagem da palavra vir.

Vir

Vir é um vocábulo gramaticalmente classificado como verbo. Mas, nesse caso, podemos ter o verbo vir e o verbo ver.
Por isso, vamos esquematizar para não confundir os conceitos.

Vir no infinitivo

Infinitivo é uma das formas nominais dos verbos da nossa língua. Caso não esteja familiarizado com essas formas nominais, não se assuste. Leia a explicação abaixo!
Na Língua Portuguesa, os verbos podem se apresentar nas seguintes formas: particípio, infinitivo e gerúndio. Vamos explicar cada uma dessas formas abaixo.
Quando se apresenta como particípio, o verbo indica uma ação já devidamente realizada ou acabada. Para ilustrar isso, podemos citar as seguintes ações: ordem cumprida; trabalho concluído; telefone consertado.
Quando se apresenta como gerúndio, o verbo indica uma ação que está sendo realizada no momento em que se fala. Para ilustrar isso, podemos citar as seguintes ações: turista viajando, menino chorando, pia pingando.
Quando se apresenta como infinitivo, o verbo indica uma ação que não se refere a nenhum sujeito. Para facilitar o entendimento, digamos que se trata da forma “pura” do verbo. Para ilustrar isso, podemos citar as seguintes ações: começar, cair, sorrir, retificar, estudar, sonhar, conquistar, degustar, amadurecer.
Assim como ocorre com todos os outros verbos, também há o infinitivo impessoal do verbo vir.


Frases com o infinitivo vir

  • Vir de avião é mais seguro do que vir de ônibus.
  • Vir de tênis é obrigatório na nossa academia.
  • Vir de trajes adequados é essencial para causar boa impressão.

Vir de avião; vir de tênis e vir de trajes adequados são denominados de sujeitos oracionais.

Vir em locuções verbais

Além do caso visto acima, o verbo vir também pode estar acompanhado de outros verbos. Neste caso, teremos locuções verbais, em que um verbo será o verbo principal e outro será o verbo auxiliar. Veja exemplos abaixo.

Frases com o termo vir em locuções verbais
  • Pode vir quente que eu estou fervendo (Erasmo Carlos).
  • As crianças devem vir acompanhadas dos pais.
  • O próximo Presidente da República deve vir com nova mentalidade política.


Vir após preposição

Também podemos ter o uso do verbo vir após várias preposições. Veja os exemplos abaixo para que tudo se torne mais claro.
  • O melhor está por vir.
  • Maria tem de vir à minha casa hoje.
  • João está impedido de vir ao trabalho hoje.

Vir, conjugação do verbo ver

Todos os exemplos vistos até agora referiram-se ao verbo vir, que expressa a ideia de movimento, locomoção.
Mas saiba que o verbo vir também pode ser conjugado no sentido de ver ou enxergar, pois este verbo (ver) também é irregular.
Veja a conjugação do verbo ver e atente especialmente para a conjugação no futuro do subjuntivo. Neste caso, você observará a palavra vir na primeira e na terceira pessoa do singular.


Conjugação do verbo ver

MODO INDICATIVO
Presente

eu vejo
tu vês
ele/ela vê
nós vemos
vós vedes
eles/elas veem
Pretérito Imperfeito

eu via
tu vias
ele/ela via
nós víamos
vós víeis
eles/elas viam
Pretérito Perfeito

eu vi
tu viste
ele/ela viu
nós vimos
vós vistes
eles/elas viram

Mais-que-perfeito

eu vira
tu viras
ele/ela vira
nós víramos
vós víreis
eles/elas viram
Futuro do Pretérito

eu veria
tu verias
ele/ela veria
nós veríamos
vós veríeis
eles/elas veriam
Futuro do Presente

eu verei
tu verás
ele/ela verá
nós veremos
vós vereis
eles/elas verão

MODO SUBJUNTIVO
Presente do Subjuntivo

que eu veja
que tu vejas
que ele/ela veja
que nós vejamos
que vós vejais
que eles/elas vejam
Pretérito Imperfeito do Subjuntivo

se eu visse
se tu visses
se ele/ela visse
se nós víssemos
se vós vísseis
se eles/elas vissem
Futuro do Subjuntivo

quando eu vir
quando tu vires
quando ele/ela vir
quando nós virmos
quando vós virdes
quando eles/elas virem

MODO IMPERATIVO
Imperativo Afirmativo

vê tu
veja ele/ela
vejamos nós
vede vós
vejam eles/elas
Imperativo Negativo

não vejas tu
não veja ele/ela
não vejamos nós
não vejais vós
não vejam eles/elas

Frases com a palavra vir (futuro do subjuntivo)
  • Se você vir meu irmão por aí, diga-lhe que quero falar com ele.
  • Quando eu vir todo o conteúdo, estarei pronto para fazer a prova.
  • Somente depois que eu vir as cláusulas, assinarei o contrato.
Para relembrar!
Eu vim. Refere-se ao ato de se deslocar. Trata-se do tempo passado.
Quando eu vir. Refere-se ao ato de ver, enxercar. Trata-se do tempo futuro.


Dúvidas frequentes envolvendo vim ou vir

Abaixo, você verá algumas dúvidas pertinentes ao que acabou de ler neste artigo.

Pode vir ou pode vim?

Estamos diante do verbo vir (deslocar-se, movimentar-se).
Baseado no que vimos acima, a expressão correta é: pode vir!
Neste caso, temos um verbo auxiliar (pode) e um verbo principal (vir).

Vai vim ou vai vir?

A resposta a esta dúvida segue a mesma regra referente à dúvida vista imediatamente acima. Temos um verbo auxiliar (vai) e um verbo principal (vir).
Então, o correto é vai vir.
No entanto, o mais adequado seria dizer virá!

Eu vi ou eu vir?

Em relação ao verbo ver, conjugado no tempo passado, jamais diga eu vir, pois essa expressão está completamente errada.
O correto é eu vi, que significa eu olhei ou eu enxerguei.
Veja o resumo do que você aprendeu no vídeo abaixo:
Esperamos que você tenha aprendido a diferença entre as palavras vir e vim. Divida os conhecimentos assimilados, compartilhando-os com seus amigos.
Se ainda restou alguma dúvida, fique totalmente à vontade para comentar abaixo. Será um grande prazer poder ajudá-lo(a).
Veja outras excelentes dicas gramaticais:

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.