retificando

Erros gramaticais: está ou estar?

Prosseguindo com a nossa série de artigos que testam a sua capacidade de detectar erros gramaticais em várias frases usadas no nosso dia a dia, temos uma oração em que devemos saber se a grafia correta é está ou estar.
Mas não é só isso, neste post, há mais de um erro gramatical. Veja novamente a imagem abaixo e tente detectar todos os equívocos:

Está ou estar

O verbo estar pode ser usado de duas formas: infinitivo (estar) ou conjugado na terceira pessoa do singular (está).
Às vezes, nós fazemos confusão acerca dessas duas possibilidades de grafias. Acesse o link a seguir para saber todos os detalhes sobre esse assunto:


Na frase vista na imagem, o primeiro erro se encontra na palavra estar, pois o verbo estar se encontra conjugado na terceira pessoa do singular.
Portanto, a forma correta em relação a este ponto deve ficar assim:
O destino político de Lula está nas mãos do Poder Judiciario.
Se você notou mais um equívoco gramatical na frase, parabéns! Vamos conferir abaixo o segundo erro!


Acentuação gráfica

O segundo erro está na palavra judiciario (o correto seria judiciário). Esta palavra é classificada como paroxítona terminada em ditongo.
As regras de acentuação gráfica da Língua Portuguesa estabelecem que as palavras paroxítonas terminadas em ditongo devem ser acentuadas.
Para saber mais sobre acentuação, acesse o seguinte artigo:


Assim, a frase estaria plenamente correta, em que pese o seu sentido figurado, da seguinte maneira:
O destino político de Lula está nas mãos do Poder Judiciário.

Se conseguiu acertar todos os erros, que tal tentar acertar mais alguns?! Veja mais testes abaixo:

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.